PUBLICIDADE
Topo

Podcast

Ser Sonoro

Podcast sobre sons, música e o mundo da escuta


Ser Sonoro #3: barulhinho bom... Por que o som de água tranquiliza tanto?

Leo Rivas/Unsplash
Imagem: Leo Rivas/Unsplash

Do TAB

23/01/2021 04h01

Se você procurar "música para relaxar" no YouTube ou no Spotify, com certeza vai encontrar, já entre os primeiros resultados, sons de água. Mas por que exatamente esse barulhinho corrente nos acalma?

No terceiro episódio do podcast "Ser Sonoro", Fernando Cespedes explica como a memória dos nossos antepassados, que tinham no som da água corrente a certeza de líquido limpo, fresco e seguro para consumo, ainda nos influencia.

"As primeiras civilizações do mundo nasceram na Mesopotâmia, que em grego significa terra entre dois rios, o Tigre e o Eufrates. Na escola, todo mundo aprendeu que o Egito é uma dádiva do Nilo. A água está no centro de vários mitos de criação da humanidade" (ouça acima partir de 3:44).

Mas por que você, que tem acesso à água limpa e filtrada quando precisar, também se acalma com o barulhinho que tinha utilidade apenas para os ancestrais?

Quem explica isso é a psicologia evolutiva, conta Cespedes. "Os peixes, anfíbios, répteis e aves que estão por aí há centenas de milhões de anos, e que têm ancestrais em comum conosco, todos eles escutam. (...) Isso significa que a maioria dos capítulos dessa história, a história da nossa escuta, aconteceu embaixo d'água. Por isso, o som da água ativa nossas memórias mais primitivas. E o que vale para a história da espécie vale também para a história de cada um de nós" (a partir de 6:07).

E isso não funciona só para a água. Ouvir um som, hoje, em 2021, é resgatar memórias que você nem sabia que tinha. Quer entender a fundo como isso funciona? Ouça acima o 3° episódio de "Ser Sonoro", aqui em TAB.

Os podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts e em todas as plataformas de distribuição. Você pode ouvir Ser Sonoro, distribuído por TAB, em plataformas como Spotify, Apple Podcasts e Google Podcasts, entre outras.