Topo

Notícias


Startup chinesa rastreia cães perdidos por meio do focinho

Aplicativo chinês usa reconhecimento facial para rastrear cães - Reprodução
Aplicativo chinês usa reconhecimento facial para rastrear cães Imagem: Reprodução

Do TAB, em São Paulo

15/07/2019 19h32

Assim como cada ser humano tem uma digital única, cada cachorro tem um focinho único. Sabendo disso, uma startup chinesa desenvolveu um programa com tecnologia de reconhecimento facial para rastrear cães perdidos por meio do focinho.

Com o aplicativo, chamado Megvii, a empresa registra fotos dos focinhos dos cães. A empresa afirma que tem 95% de precisão no reconhecimento dos pets e já reuniu informações de mais de 15 mil animais.

Outra empresa que usa reconhecimento facial para encontrar cães e gatos perdidos é o aplicativo chamado Finding Rover, criado nos Estados Unidos.

Na China, o aplicativo está sendo usado para encontrar cães perdidos. Por meio de uma parceria com o governo, a empresa também afirma que consegue monitorar os donos irresponsáveis, ou seja, aqueles que deixam os animais andarem sem coleira por espaços públicos.

Há mais de 91 milhões de gatos e cães nas áreas urbanas do país e deixar o animal solto pela rua é passível de multa.

Fique por dentro de comportamento e cultura seguindo o TAB no Instagram e tenha conteúdos extras sobre inovação, tecnologia e estilo de vida.

Mais Notícias