PUBLICIDADE

Topo

Comportamento


Comportamento

O que é Cultura Kawaii? Onde surgiu e quem criou esse estilo?

Kawaii - Iwi Onodera
Kawaii
Imagem: Iwi Onodera

Letícia Naísa

Do TAB

02/07/2020 04h01

Se você já visitou o bairro da Liberdade, em São Paulo, ou simplesmente zanzou pelas ruas de uma grande cidade com forte presença nipônica, deve ter encontrado o "kawaii" andando por aí. Fãs de cultura pop japonesa usam muito o termo "kawaii" para tudo que é bonitinho, colorido e tem ares de infantil. Essa estética japonesa conquistou o Ocidente com um apelo indistinto — há milhões de jovens e adultos nessa onda, que é como um estilo de vida, um jeito de se vestir e de estar no mundo. Pensou em Hello Kitty? É isso: animes e mangás, roupas, bichinhos de pelúcia, miniobjetos de toy art e até ondas gastronômicas fazem parte da cultura kawaii.

Veja algumas perguntas e respostas sobre a cultura kawaii.

Saiba tudo sobre a cultura kawaii

O que é a cultura kawaii?

A expressão deriva do adjetivo kawaii (pronuncia-se "cauaí"), que no alfabeto kanji significa "a possibilidade do amor". Como expressão cultural, engloba modo de se vestir e uma forma de se comportar marcados pela fofura, inocência, boa educação, delicadeza, infantilidade e graciosidade. Como estética, valoriza e encontra beleza na fragilidade e na imaturidade das coisas, combinadas à necessidade de proteção dos adultos. O apelo do kawaii também é explorado pela publicidade, pela tecnologia, com aparatos de cores claras e linhas suaves, e na moda. Como estilo partilhado por jovens de diversas tribos, funcionou (e ainda funciona) como uma válvula de escape à rigidez da educação japonesa e passou a refletir a cultura moderna do país.

Onde surgiu a cultura kawaii?

Surgiu originalmente no Japão, apesar de a estética ter sido apropriada pela cultura ocidental no final do século 20. Acredita-se que, na década de 1970, tenha-se popularizado entre adolescentes japonesas um tipo de caligrafia infantil (como o marui ji), de linhas curvas, com desenhos (estrelas, corações) e palavras inglesas incorporadas ao vocabulário. A "liberdade" da escrita foi encarada como uma resposta à rigidez do Japão no pós-Segunda Guerra Mundial e a uma espécie de incorporação de posturas mais ocidentalizadas, entre elas o consumismo.

O fenômeno foi tão sério que precisou de intervenção: a maioria das escolas japonesas baniu o marui ji, mas esse estilo lúdico permaneceu popular e foi usado na publicidade a partir da década de 1980. A ousada escrita das jovens japonesas acabou levando à invenção do personagem kawaii mais conhecido no mundo: Hello Kitty, criada por Yuko Yamaguchi.

O que é o estilo Kawaii?

Na moda, existem várias vertentes do estilo kawaii, desde o look mais romântico até os mais andróginos. A base de todos é a graciosidade e a infantilidade — por isso, babados, fitas e o cor-de-rosa predominam no imaginário coletivo. O estilo mais conhecido, contudo, é o das Lolitas, em variadas combinações: nele vale desde o visual de boneca até o look com cabelos volumosos e coloridos e maquiagem carregada. Ao longo do tempo, o estilo kawaii moderno sofreu influências da Era Vitoriana inglesa.

Quem criou o kawaii?

Ele faz parte da cultura japonesa há muitos séculos — alguns especialistas encontram vestígios do kawaii em gravuras e desenhos produzidos por mulheres durante a Era Heian (séculos 8 a 12). Mas foi o pesquisador Yamane Kazuma, nos anos 1970, quem usou o termo kawaii para definir o fenômeno da escrita "fofinha" entre as jovens estudantes japonesas: lapiseiras e canetas possibilitaram às meninas uma escrita de linhas mais finas e no sentido horizontal (antigamente, a escrita japonesa era vertical). Ele deu o nome de "Escrita Anômala de Meninas Adolescentes" ao fenômeno underground que viu acontecer nas escolas.

O que precisa para ser kawaii?

Talvez, nostalgia da infância e coragem de assumir o gosto pela "fofura". Garotas costumam desenhar nos lábios uma boca de gatinho para dar charme. Nos símbolos pop — de Picachu aos mangás —, os personagens kawaii geralmente têm corpos desproporcionais, cabeças grandes, olhos arregalados (ao estilo dos mangás), nariz pequeno, representado apenas por dois furos, e pouca ou nenhuma expressão facial.

Como montar um look kawaii?

Algumas tribos gostam de usar presilhas nos cabelos e carregar bolsas infantis. Nem todas as meninas e mulheres usam vestido, mas se vestem como crianças adultas. Tons pastéis fazem parte do estilo, mas grupos mais contemporâneos preferem tons vibrantes e peças descontraídas. A maquiagem também faz parte do look.

Look kawaii - Barcroft Media /Getty Images - Barcroft Media /Getty Images
Look kawaii
Imagem: Barcroft Media /Getty Images

O que faz uma menina kawaii?

Além do estilo de se vestir, uma menina kawaii é graciosa e fofinha, mesmo sem os adereços. A forma de se portar das meninas kawaii é bastante feminina: há um jeito delicado de se sentar e de dar risada.

Qual o símbolo do kawaii?

O símbolo moderno kawaii é a Hello Kitty. A boneca cor-de-rosa pequena e fofinha é referência quando se fala da cultura kawaii.

Fonte: Simonia Fukue, doutoranda em Poéticas Visuais na USP (Universidade de São Paulo) e mestre em Língua, Literatura e Cultura Japonesa pela mesma instituição.