PUBLICIDADE
Topo

Podcast

Caoscast

Conversas sobre comportamentos e tendências que fazem a cabeça dos brasileiros


CAOScast: depois de um 2020 de preocupações, 2021 deverá vir com reflexões

Mais Caoscast
1 | 22

Do TAB

07/01/2021 04h00

Você já deu uma espiadinha nas previsões para 2021? As científicas são de vacina, mas sem garantias. As políticas indicam demora na imunização do Brasil. As econômicas variam amplamente. Mas as astrológicas costumam apontar para um mesmo lado: a compreensão de como o indivíduo pode encontrar seu lugar na construção de um coletivo melhor.

Pelo menos é o que dizem Papisa e Titi Vidal, duas das astrólogas mais conhecidas do Brasil, convidadas do mais novo episódio de CAOScast veiculado aqui em TAB. A já conhecida trupe — Michel Alcoforado, antropólogo, Marina Roale, head de pesquisa da consumoteca, e Rebeca de Moraes e Tiago Faria, pesquisadores — bateu um papo sobre o que os astros nos revelam de 2021 e o que nos leva a crer ou não neles.

"Astrologia tem uma coisa de narrativa de crença que eu fico sempre muito tocada sobre como as pessoas passam a entender daquilo e acreditar. Eu acho bonito", diz Moraes, que confessa não ser leitora muito assídua de seu horóscopo, mas reconhece a importância das crenças, principalmente aquelas que nos fazem evoluir alguns comportamentos (ouça acima a partir de 04:03).

Mas vamos ao que interessa: o que dá para esperar do próximo ano? "Sempre que os astros estão muito pertinho uns dos outros no céu, indica momentos de grandes transformações que podem vir aí junto com crises, enfim. Ainda no ano de 2020, no dia 21 de dezembro de 2020, Júpiter e Saturno se encontraram em conjunção exata, um em cima do outro, em Aquário. Então vai ser um start para essas mudanças num outro nível, de compreensão principalmente. É necessário que a gente consiga entender como que a gente, individualmente, vai conseguir colaborar para o coletivo. Eu acho que o encontro desses dois astros sociais em um signo como aquário desperta muito as responsabilidades sociais", diz Papisa (a partir de 6:13).

Titi Vidal vai pelo mesmo caminho. Depois de um 2020 cheio de preocupações e dificuldades, 2021 deverá vir com reflexões e mudanças de comportamento. "A gente tem que pensar nessas questões sociais e coletivas, isso é muito importante. A gente tem pela frente um período que perde um pouco a questão da hierarquia ou da expectativa por um salvador — seja numa visão mais religiosa, ou política ou o que for — e a necessidade de todo mundo ter consciência e atitude para que as coisas de fato aconteçam. Vai ser um ano que pede uma revisão nas questões de consumo, nas questões financeiras (...). Acho que é um momento também de rever hábitos, não só de consumo, mas de vida. De qualidade de vida, de relacionamento, a questão do tempo, que foi um tema muito forte em 2020." Sentiu que precisa dar um tempo, que não vai dar conta de tudo? Quem sabe seja hora de prestar atenção nessa voz interior, aconselha a astróloga (a partir de 10:15).

Quer ouvir as previsões completas das astrólogas e a opinião dos caóticos sobre o tema? Confira o episódio completo acima.

Os podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts e em todas as plataformas de distribuição. Você pode ouvir Caoscast, produzido pela Consumoteca e distribuído por TAB UOL, em plataformas como Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Orelo, Deezer e YouTube.